Ministro: Laurita Vaz

AgRg no REsp 1977020/MT

AGRAVO REGIMENTAL NO RECURSO ESPECIAL. PROCESSUAL PENAL. APELO NOBRE. TEMPESTIVIDADE. SUSPENSÃO DOS PRAZOS NO TRIBUNAL LOCAL. COMPROVAÇÃO NA INTERPOSIÇÃO DO RECURSO. PECULATO E ASSOCIAÇÃO CRIMINOSA. SENTENÇA ABSOLUTÓRIA. REFORMA. PROVAS. INDICAÇÃO. AUSÊNCIA. CONDENAÇÃO. PRESUNÇÃO. RESPONSABILIDADE OBJETIVA. DESCABIMENTO. AGRAVO REGIMENTAL PROVIDO PARA DAR PROVIMENTO AO RECURSO ESPECIAL.

1. Deve ser reconhecida a tempestividade do recurso especial quando devidamente comprovada, na sua interposição, a suspensão dos prazos no Tribunal local.

 2. É possível a esta Corte Superior verificar se a fundamentação utilizada pelas instâncias ordinárias é juridicamente idônea e suficiente para dar suporte à condenação, o que não configura reexame de provas, pois a discussão é eminentemente jurídica e não fático-probatória.

 3. O Tribunal estadual, ao reformar a sentença absolutória e condenar o Agravante pelo crime de peculato e associação criminosa, não indicou nenhuma prova, baseando o decreto condenatório em presunção de que a participação do Recorrente em esquema de fraudes decorreu dos cargos e funções por ele ocupados.

4. Não se admite a condenação lastreada em mera presunção ou mesmo em responsabilização objetiva.

5. Crime de associação criminosa cuja punibilidade está extinta, pela prescrição da pretensão punitiva.  6. Agravo regimental provido para dar provimento ao recurso especial a fim de restabelecer a sentença absolutória.

Julgados relacionados

HC 850876/SP

Ministro:
1. PEDIDO DA DEFESA A defesa de João Roberto Santos de Oliveira impetrou habeas corpus, com pedido liminar, contra acórdão do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo que o condenou por tráfico de drogas e posse irregular de munição. A defesa solicita a declaração de nulidade das provas obtidas devido à violação de domicílio sem justa causa ou autorização e, consequentemente, a absolvição do paciente. Alternativamente, pede a aplicação da causa de diminuição de pena do tráfico privilegiado,...

HC 818071/RN

Ministro:
1. PEDIDO DA DEFESA A defesa de Thais Cristina de Araújo Soares entrou com habeas corpus visando a revogação da prisão preventiva decretada em desfavor da paciente, alegando coação ilegal. 2. TESES DA DEFESA A defesa argumentou que a prisão preventiva de Thais deveria ser revogada e substituída por medidas cautelares diversas da prisão, apontando a ausência de contemporaneidade na decisão e destacando os predicados pessoais positivos da paciente, como ser primária, sem antecedentes criminais, e a inexistência de situação...

AgRg no RHC 151818/RJ

Ministro:
AGRAVO REGIMENTAL NO HABEAS CORPUS. INÉPCIA DA DENÚNCIA. LAVAGEM DE DINHEIRO. CIÊNCIA DOS CRIMES ANTERIORES PRATICADOS NÃO DEMONSTRADA. DECISÃO MANTIDA. AGRAVO REGIMENTAL IMPROVIDO. 1. A suposta ciência do agravado a respeito dos crimes antecedentes à lavagem de dinheiro não precisa ser comprovada na inicial acusatória, mas a peça deve conter lastro probatório mínimo a respaldar suas suspeitas. 2. No caso, o laço familiar parece ser o lastro probatório mínimo em que se ampara a acusação, o que se mostra insuficiente....

Você não está logado
como membro da MindJus

Caso seja membro faça login abaixo ou torne-se um membro: